Existem dezenas de caminhos que levam um profissional a se destacar profissionalmente em sua área de trabalho, tornando-se assim referência no mercado: realizar cursos online de atualização, participar de congressos e workshops e marcar presença na internet são alguns deles. Porém, para que todos estes caminhos reflitam em resultados positivos, é preciso um pouco mais. Apostar em marketing pessoal e cursos prime segundo especialistas, é a chave do sucesso – desde que seja feito corretamente.

Marketing pessoal: quem não é visto não é lembrado

Para que um produto seja conhecido, apreciado e principalmente adquirido, são necessárias muitas estratégias de marketing. Neste caso, o principal objetivo é elevar o volume de vendas desse produto. Essas estratégias são focadas principalmente na promoção do produto, criação de peças de propaganda, escolha de uma embalagem visualmente atrativa, valorização de suas qualidades, dentre outros. Utilizando estes mesmos conceitos, o marketing pessoal segue como ferramenta para valorização do profissional, ao invés do produto.

Uma cena muito comum pode exemplificar o que é marketing pessoal, bem como sua importância na carreira de qualquer profissional. Em uma empresa ‘x’ existem dois colaboradores, com as mesmas qualificações técnicas e que exercem exatamente as mesmas funções, com responsabilidades idênticas. O funcionário 1 recebe frequentemente aumentos salariais, vantagens, promoções, ou seja, é reconhecido. Já o funcionário 2, nem é lembrado. Para os contratantes, ele não faz mais do que a sua obrigação. Mas se as responsabilidades e qualificações são iguais, porque ambos não são reconhecidos por seus superiores? A resposta pode estar estar na falta – ou deficiência – de uso do marketing pessoal como ferramenta de reconhecimento profissional.

Em suma, o marketing pessoal pode ser definido como um conjunto de técnicas e estratégias utilizadas para agregar valor à imagem pessoal do profissional.

Como fazer um bom marketing pessoal?

Alguns pontos são muito importantes no processo de construção da imagem pessoal de qualquer profissional, independente do segmento de atuação. Para obtenção dos melhores resultados, devem ser considerados os seguintes:

Boa imagem

Uma boa aparência é o cartão de visitas de qualquer profissional. Afinal, como diz o ditado, a primeira imagem é a que fica. A boa imagem não está relacionada ao uso de roupas caras ou roupas ‘de marca’, mas sim a uma boa apresentação. O profissional que não tem o costume de se vestir adequadamente e não dá a devida atenção à sua imagem pode ser visto como alguém desleixado.

Outra reflexão deve ser considerada: mesmo que esteja em início de carreira, seja como estagiário ou recém-efetivado, o profissional deve ser vestido como quem ele deseja se tornar e não como ele de fato é. Exemplo: quem deseja se tornar um grande executivo de contas deve se vestir como tal, mesmo que ainda esteja em início de carreira.

Se vestir de acordo com a posição que deseja alcançar em certa fase da vida propicia a valorização pessoal, que funciona como incentivo e inspiração diária ao profissional. Trata-se de um exercício que deve ser realizado diariamente.

Cursos relacionados que podem te interessar:

Metas e objetivos

Tendo em mente as principais definições sobre o que é marketing e o relacionando com a imagem pessoal, o profissional precisa estabelecer seus principais objetivos em longo prazo. As estratégias devem ser planejadas de acordo com estes objetivos. De nada adianta o profissional investir em seu marketing pessoal se os desejos não estiverem bem claros em sua mente.

A organização das metas pode partir de perguntas como ‘Onde quero estar daqui a 10 anos?’, ‘Por quais motivos quero ser lembrado no futuro?’ e ‘Qual nível social desejo atingir em 5 anos?’. Cabe ao próprio profissional analisar seus desejos e anseios pessoais. Apostar em cursos EAD nesta área, como o curso online de Planejamento Estratégico, também facilita a organização dos projetos.

Espírito de liderança

Engana-se aquele que pensa que a habilidade da liderança está atrelada apenas a cargos altos. Ser um bom líder independe de nível hierárquico. A capacidade de liderar é muito bem vista e admirada, uma vez que tende a inspirar positivamente outras pessoas.

Ações como pesquisar e propor discussões relacionadas a conflitos na equipe são ações de liderança muito positivas, por sinal. Quando o profissional demonstra interesse pelo coletivo, com foco em resoluções, certamente é lembrado de forma positiva pelos colegas e seus superiores.

Entra tantas qualidades necessárias, um bom líder deve:

  • Ser observador: o líder deve ser capaz de analisar todos os acontecimentos ao seu redor, escolhendo as soluções mais adequadas para cada caso.
  • Ter humildade: um líder humilde, que saiba reconhecer suas falhas, tem mais facilidade em praticar a empatia, ou seja, se colocar no lugar de um colega e entender suas dores.
  • Delegar tarefas: distribuir tarefas para sua equipe faz com que líder não seja sobrecarregado, podendo assim participar mais ativamente de todos os processos da empresa, auxiliando e compartilhando obrigações e responsabilidades.
  • Ser confiante: com confiança e iniciativa, um líder sente-se seguro para realizar modificações que beneficiem os processos. Além disso, sempre saberá por qual caminho deverá direcionar a equipe.
  • Buscar conhecimento: certificar-se nas áreas em que atua contribui com a confiança do profissional. Uma boa ideia é começar com um curso de marketing pessoal, que auxiliará na valorização de suas qualidades e habilidades.

Alguns cursos a distância abordam a temática e auxiliam na construção da liderança, principalmente ao profissional que não "nasceu com a liderança em suas veias". O curso online Liderança aborda tópicos essenciais ao perfil de um bom líder, tais como conceitos estratégicos de liderança, técnicas de persuasão, organização e motivação de equipes. Além disso, traz dicas importantes relacionadas à liderança e o marketing pessoal com foco no perfil do líder moderno.

Boa comunicação

Qualquer que seja o objetivo proposto, para que ele seja alcançado com sucesso é necessário saber comunicar-se corretamente. Entra nesta habilidade tanto a comunicação verbal quanto a comunicação escrita. É indispensável que o profissional saiba expressar-se corretamente e com clareza, evitando ao máximo o uso de gírias e expressões negativas. Existem algumas áreas de atuação que possuem vocabulários próprios e específicos, contendo não somente termos técnicos como jargões populares. O profissional deve dominar todos estes termos.

Sobre a comunicação escrita, o cuidado deve ser com a ortografia. Afinal, nada mais comprometedor do que redigir e-mails, cartas e relatórios contendo erros grotescos de português. Para auxiliar o profissional neste quesito, existem bons cursos EAD como o curso online Redação Oficial. Ao longo do curso, são abordadas as técnicas de redação mais utilizadas em comunicações oficiais, com foco nos pronomes de tratamento e gramática. O material também traz alguns modelos de textos oficiais e relatórios, além do Manual da Redação Oficial.

Proatividade

O profissional que se antecipa aos conflitos, além de já definir a solução ideal para tal demanda, impressiona toda a equipe que com ele trabalha, incluindo seus gestores. Ser proativo significa, em palavras diretas, não esperar que os problemas aconteçam. O ideal é que o profissional trabalhe incansavelmente em busca das melhores soluções para o dia a dia da empresa, reduzindo ao máximo as ocorrências negativas. Proatividade é um das grandes habilidades responsáveis pela valorização profissional. Só não se esqueça de descançar, pois o descanço é fundamental para renovar as energias.

Prime Cursos

Simpatia e empatia

Aquele colaborador que tem um bom relacionamento com seus companheiros de trabalho é, sem sombra de dúvidas, lembrado positivamente nas rodas de conversa. Afinal, todos gostam de um colega que sorri, é educado, dá bom dia e pergunta se está tudo bem. Ser simpático é fundamental. No mesmo cenário, ser empático também traz grandes vantagens.

A empatia está relacionada com a atitude de se colocar no lugar do outro para, assim, entender de fato suas reais necessidades, dores e questionamentos. Vivenciando a situação do outro ‘na pele’ torna-se mais simples a tarefa de buscar e criar estratégias realmente eficazes na resolução de problemas.

Qualificação profissional

Com um mercado cada vez mais competitivo, é recomendado que o profissional prime pelos melhores cursos do mercado. Caso contrário, não conseguirá atingir seus objetivos pessoais, profissionais e, principalmente, destacar-se entre os demais atuantes na área. Um bom profissional deve trazer em sua bagagem não somente as qualificações comportamentais exigidas pelos contratantes, mas, também, habilidades pontuais e técnicas relacionadas diretamente ao seu mercado.

Os cursos online com certificado surgem como uma boa opção para aquele que deseja certificar seus conhecimentos e, acima de tudo, atualizar-se e qualificar-se em sua área de atuação. Para se tornar um profissional de excelência, prime por cursos relacionados à administração do tempo, marketing pessoal, liderança e oratória são essenciais a qualquer currículo.

Networking

Valorizar a rede de relacionamentos profissionais é um dos pontos de partida para o sucesso do marketing pessoal. Apostar no networking amplia a visibilidade profissional, além de abrir espaço para futuras oportunidades.

Um bom networking pode ser feito de várias maneiras: participando de congressos e feiras; realizando cursos, seja um curso de marketing pessoal ou outros cursos online com certificado relacionados à área de atuação; distribuindo cartões de visita e folders e sanando dúvidas de contatos quando estiverem relacionadas à expertise do profissional são alguns dos caminhos que podem ser trilhados rumo à excelência das relações profissionais.

Redes sociais

Não há como fugir: a internet, especialmente as redes sociais, tem um papel importante na valorização profissional. Atualmente, quando alguém precisa obter informações específicas sobre determinada pessoa, as pesquisas na web são o caminho principal. E aí que é preciso estar atento: os resultados podem ser tanto positivos quanto negativos. 

Quem quer se destacar deve ter cautela quando o assunto é o conteúdo compartilhado nas redes. Não significa que o profissional deve criar uma imagem secundária e manter a sua vida virtual limitada apenas a assuntos profissionais, porém, vale pensar duas vezes antes de publicar algo que soe negativo no ambiente corporativo.

Os certificados do Centro de Estudos e Formação podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Linkedin: o rei do marketing pessoal

O Linkedin é muito mais do que uma rede social. Trata-se de uma plataforma focada na vida profissional, capaz unir membros com expertises semelhantes. Além disso, atualmente é um dos principais canais de comunicação das empresas, principalmente no que envolve a busca por novos talentos. O profissional que investe no marketing pessoal no Linkedin certamente atrai as melhores oportunidades.

Mas nem todo profissional se destaca na rede, justamente por ter o pensamento errôneo de que para obter bons resultados basta criar um perfil e adicionar informações profissionais. Para que o indivíduo colha bons frutos no Linkedin é preciso movimentar o perfil participando de grupos relevantes, relacionar-se com outros profissionais do mesmo segmento e o mais importante: entregar conteúdo de valor.

Espera-se que o profissional conquiste seguidores que realmente se interessem pelo seu nicho. Para tanto, é preciso ter em mente que o nível de interações das conexões é muito mais importante do que a quantidade de seguidores conquistados. Afinal, de que adianta contar com 5 mil seguidores no perfil sendo que nem 10% troca experiências profissionais relevantes?

Para que uma estratégia de marketing pessoal seja bem sucedida no Linkedin, é indispensável que o profissional saiba em detalhes o que é marketing pessoal e a partir daí:

  • Crie um planejamento prévio relacionando os principais objetivos da estratégia de marketing pessoal.
  • Analise o tempo disponível para se dedicar às ações no Linkedin.
  • Defina o que poderá oferecer aos seguidores, avaliando quais propostas de valor poderão ser trabalhadas.
  • Saiba exatamente qual o nível de conhecimento e domínio acerca das ferramentas da rede social, já que o sucesso depende do uso adequado de todas as ferramentas disponibilizadas.

Além de uma boa estratégia, manter os dados profissionais sempre atualizados é de suma importância. Cabe salientar que bons cursos e certificações atraem os olhos das conexões. Vou repetir para que isso fique gravado em sua cabeça: é de grande importância que o profissional prime por cursos relevantes ao seu currículo e que contribuam, de fato, com a carreira profissional.

Aprimorando as estratégias de marketing pessoal com cursos online

Para aprimorar os conhecimentos sobre o que é marketing pessoal, o profissional interessado em valorizar ainda mais a sua trajetória pode optar pelo investimento em um curso de marketing pessoal. Os cursos a distância neste segmento oferecem conhecimento prático sobre como criar uma imagem pessoal e profissional e se tornar referência no mercado.  A excelência pessoal é o principal objetivo do conteúdo.

O Centro de Estudos e Formação, um dos principais portais EAD do Brasil, disponibiliza este e outras centenas de cursos EAD com cargas horárias que variam de 5h a 360h em todos os cursos. Além disso, há a possibilidade de emissão certificado, que pode ser utilizado para na faculdade para comprovar atividades complementares, em provas de títulos de concursos públicos e também para progressão de carreira no funcionalismo público.

O grande diferencial do portal é o processo de matrícula: diferente de outras instituições, no Centro de Estudos e Formação o interessado investe apenas R$69,90 e tem acesso a todos os cursos online com certificado pelo período de 1 ano. Trata-se de uma excelente oportunidade de se certificar com cursos de qualidade gastando muito pouco.

Fica o recado para quem precisa fortalecer o marketing pessoal: inscreva-se nos cursos a distância aqui do portal, reflita sobre o que é marketing utilizando as informações ao longo do artigo e comece a planejar as estratégias hoje mesmo. A plataforma está aberta para receber dúvidas e solucioná-las o mais breve possível através dos comentários.