Considerado o primeiro nível da atenção básica, o Programa Saúde da Família foi implantado em 1994 pelo Ministério da Saúde como forma de reorganizar os atendimentos primários do SUS (Sistema Único de Saúde). A estratégia de Saúde da Família permite que as famílias de uma determinada região sejam acompanhadas com mais proximidade, oferecendo subsídios para a criação de campanhas de prevenção à saúde que se adequem especificamente às necessidades daquela região. Trata-se de um programa amplo e que exige profissionais capacitados, com currículos experientes e bons cursos de qualificação, seja através de cursos online ou em demais modalidades. Afinal, para oferecer saúde coletiva de qualidade, profissionais altamente qualificados são peças importantes neste processo. 

Seja você um profissional da área da saúde ou interessado no tema, vale a leitura do artigo de hoje. Trouxemos informações completas sobre o Programa Saúde da Família, suas principais características e benefícios. Finalizando, oferecemos algumas dicas de qualificação profissional com cursos EAD, que valorizarão qualquer profissional da área da saúde ou aspirante à área. Boa leitura! 

Entenda como funciona o Programa Saúde da Família 

As unidades responsáveis pelo atendimento da família como um todo – nomeadas USAFA's (Unidades de Saúde da Família) - possuem equipes capacitadas para o atendimento de todo o núcleo familiar. Tais capacitações são oferecidas através de palestras, cursos EAD e materiais disponibilizados pelo Ministério da Saúde, como os cadernos de atenção básica

Estas unidades de saúde regionais possuem, através de cadastros e acompanhamentos rotineiros, todo o histórico médico de cada um dos integrantes do grupo familiar, incluindo especialidades pelas quais foram submetidos, histórico de doenças, participação em programas específicos, como Hiperdia (programa destinado ao controle e prevenção da hipertensão arterial), dentre outros. 

Um bom exemplo pode ser citado para melhor compreensão do programa: quando uma região é infectada por algum vírus, gerando uma epidemia local, com os dados dos pacientes que a adquiriram em mãos os órgãos municipais obtém um maior sucesso no controle da doença, uma vez que sabe exatamente qual a região afetada e, principalmente, quais munícipes foram infectados. Consegue, inclusive, detectar o agente causador com mais agilidade, uma vez que conhece as condições locais que podem ter ocasionado o problema. 

Entretanto, para que todo este esquema funciona de forma satisfatória e permita que a estratégia de saúde da família torne-se eficaz, uma equipe multidisciplinar é necessária. Em caráter mínimo, cada uma das equipes deve ser composta por 1 médico especialista e com experiência em clínica geral, 1 enfermeiro, 1 auxiliar de enfermagem e, sendo de extrema importância, uma equipe de agentes comunitários compostas por 4 ou 6 profissionais. 

Em suma, entende-se como responsabilidade das equipes de saúde da família: 

  • Cadastramento e diagnóstico das características sociais, demográficas e epidemiológicas de cada região relacionadas àquela unidade de saúde;  

  • Identificação dos principais problemas de saúde e situações de risco da população da área atendida;  

  • Elaboração de estratégias de saúde que auxiliem o controle de epidemias e demais quadros de saúde;  

  • Assistência integral aos pacientes na unidade de Saúde da Família, à domicílio, na comunidade ou qualquer outro local designado; 

  • Desenvolvimento de ações educativas e multidisciplinares para fins de controle e prevenção das questões diagnosticadas. 

Prioridades 

Mesmo se tratando de um programa democrático e que atende, de forma igualitária, toda a unidade familiar, o Programa Saúde da Família possui algumas prioridades que devem ser respeitadas, prioridades estas que são amplamente abordadas em cursos online na área da saúde.  

São considerados atendimentos prioritários: 

  • Acompanhamento do desenvolvimento infantil através do controle nutricional, imunológico e odontológico, de modo que as crianças sejam observadas e prevenidas de doenças e patologias frequentes na infância - quanto à saúde bucal, nosso portal possui cursos a distância bem interessantes sobre o tema, como o curso online Auxiliar de Saúde Bucal.

  • Acompanhamento de pacientes portadores de hipertensão, hanseníase e tuberculose, com elaboração de campanhas de saúde específicas para este fim - você pode entender um pouco mais sobre hipertensão arterial com o curso online Hipertensão Arterial, um dos cursos EAD ofertados pelo Centro de Estudos e Formação;

  • Saúde da mulher, com foco no planejamento familiar e métodos contraceptivos, realização de exames preventivos, grupos de aleitamento materno, dentre outros. 

Equipes de Saúde 

Entenda um pouco mais sobre as funções e responsabilidades de cada um dos profissionais das equipes responsáveis pela estratégia de saúde da família

Médico: como principais atividades relacionadas ao dia a dia do médico de Saúde da Família devemos destacar o atendimento, diagnóstico, tratamento e acompanhamento do paciente, visando uma melhora na qualidade de vida. Cabe ao médico a responsabilidade por internações e tratamentos terapêuticos indicados para cada um dos quadros. Vale frisar que o acompanhamento por parte do médico deve ser realizado no ambiente mais adequado às condições do paciente, seja nas unidades de saúde da família ou em domicílio. 

Enfermeiro: cabe ao enfermeiro responsável pela unidade gerenciar todas as atividades de saúde realizadas pela equipe multidisciplinar, sejam curso de Saúde Coletiva, palestras e campanhas preventivas. Também é de sua responsabilidade acompanhar o sucesso do acompanhamento médico dos usuários cadastrados na unidade, gerenciando consultas e encaminhamentos para outros serviços do SUS. Sempre que necessário, o enfermeiro deve realizar atendimentos de enfermagem para fins de triagem e tratamento. Muitas instituições de ensino disponibilizam a qualificação de enfermeiros por meio de cursos online de graduação, na modalidade semipresencial – que compreende o acompanhamento de parte das aulas de forma presencial e outra parte delas em caráter online

Auxiliar de Enfermagem: atuando sempre em conformidade com o Conselho Regional de Enfermagem, os auxiliares de enfermagem são responsáveis por realizar pesagem de crianças para consultas pediátricas, aferição da pressão arterial, administração de medicamentos, aplicação de vacinas, fazer curativos, esterilização dos materiais utilizados durante as consultas médicas e demais procedimentos e, inclusive, realizar a higiene dos pacientes. Cabe dizer que todas as atividades são realizadas sob a supervisão do enfermeiro chefe responsável pela unidade. 

Agente Comunitário de Saúde: figuras principais na relação próxima entre a unidade de saúde e os pacientes, os agentes comunitários de saúde, conhecidos popularmente como agentes de saúde, geralmente são residentes do próprio bairro – ao realizar os concursos públicos para a função e ser aprovado, o profissional é alocado na unidade de saúde mais próxima de sua residência - e conhecem, como ninguém, as necessidades de cada unidade familiar; já que convivem diretamente com a população e realizam visitas periódicas. Os agentes também são responsáveis por, sempre que necessário, entrar em contato com as famílias para assuntos relacionados à solicitação e autorização de exames, campanhas de saúde específicas, divergência cadastral e assuntos correlatos. Para prestar um atendimento de qualidade, é interessante que os agentes busquem cursos relacionados à área, como o curso de Saúde Coletiva disponibilizado pelo Centro de Estudos e Formação

Adendo: Segundo a Portaria nº. 958 de 10 de maio de 2016, a inserção dos agentes comunitários de saúde da família não é mais obrigatória, sendo realizada de acordo com critérios e necessidades próprias de cada unidade. Em contrapartida, os agentes comunitários poderão, quando desejado pela administração municipal, serem substituídos por profissionais técnicos de enfermagem. 

Curso Online Programa Saúde da Família

Vantagens e Benefícios 

Pode-se destacar como principal benefício do Programa de Saúde da Família a redução de filas para atendimento, seja para consultas ou exames realizados nas próprias unidades de saúde. Com um acompanhamento rotineiro e mais próximo, a equipe de saúde consegue identificar os principais fatores desencadeantes de possíveis epidemias e outras doenças. Existe ainda um maior estímulo aos pacientes na busca por atendimento médico, principalmente devido às visitas recorrentes dos agentes comunitários de saúde. 

Principais desafios

Apesar de oferecer inúmeros benefícios às comunidades, o Programa Saúde da Família encontra, desde 2010, alguns entraves e dificuldades no que se diz respeito à ampliação dos atendimentos. Deste ano para cá, o país sofre com problemas e iregularidades de gestão, que acabam resultando no descredenciamento de profissionais da área da saúde. Com a redução no quadro, maiores são os empecilhos para a formação das equipes de saúde que atuam nas estratégias do PSF. No ano de 2012, umas das estatísticas mais recentes relacionadas ao tema, foram descredenciadas em todo o país mais de 600 equipes médicas do programa. A Controladoria Geral da União (CGU) é, atualmente, o órgão responsável por realizar as fiscalizações do programa nos municípios

Como medida preventiva para tais irregularidades, é imprescindível que as equipes mantenham-se qualficadas e recebam, de fato, uma imersão de conhecimento e capacitação na área de gestão. Cursos online são parceiros neste processo, já que devido à sua flexibilidade podem ser realizados de forma tranquila por profissionais com rotinas movimentadas, principalmente nas horas vagas. Opções como o curso online Programa Saúde da Família não devem faltar no currículo destes profissionais, assim como outros cursos a distância e presenciais que envolvem o tema.

Qualificação dos profissionais de saúde 

Quando falamos em atendimento de saúde, o corpo clínico das unidades deve demonstrar alta capacidade, tanto em sua formação profissional quanto na sensibilidade emocional. Sobre qualificação profissional, uma boa saída para profissionais da área é apostar em cursos online na área da saúde, os quais refinem seus conhecimentos teóricos e contribuam com a prática nos processos de acolhimento, diagnóstico e acompanhamento dos pacientes. 

No Centro de Estudos e Formação, um dos portais referência em cursos a distância, você tem acesso a centenas de cursos EAD, incluindo cursos online na área da saúde. Com cargas horárias que variam entre 5h e 420 horas, os interessados conquistam certificações que podem lhes ser bastante úteis no dia a dia profissional, seja enriquecendo o currículo, para prova de títulos em concursos públicos ou possibilitando progressão de carreira na área pública. Vale frisar que os certificados emitidos pelo portal são reconhecidos em todo o território nacional, garantindo ainda mais visibilidade para a sua qualificação. 

Listamos dois cursos online na área da saúde que vale a pena você fazer, caso queria se certificar na área da Saúde da Família ou apenas ampliar os seus conhecimentos. Veja só: 

Curso online Programa Saúde da Família 

O curso online Programa Saúde da Família é o curso ideal para os profissionais que desejam uma qualificação extra - além de sua formação superior ou técnica - relacionada às estratégias de Saúde da Família. O curso permite que o interessado seja melhor capacitado para atuar como profissional multidisciplinar, desenvolvendo ações propostas pelo programa. O cronograma de cursos online com certificado neste segmento trazem conceitos relacionados ao mapeamento dos problemas de saúde e das situações de risco presentes em cada comunidade, à avaliação das condições de cada uma destas situações e elaboração de ações e campanhas que respondam de forma positiva e também às condições da assistência domiciliar. 

Os materiais disponibilizados pelo curso online Programa Saúde da Família também permitem o entendimento simplificado quanto à necessidade de habilidades gerenciais exigidas ao profissional de enfermagem. Aborda, ainda, questões de educação e controle da população, com foco na atenção primária. Por fim, o conhecimento é fortalecido com  Guia Básico do Programa de Saúde da Família, que reúne informações e conhecimentos básicos acerca das estratégias de saúde dispostas pelo programa. 

Os certificados do Centro de Estudos e Formação podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Curso online Saúde Coletiva 

Realizar um curso de Saúde Coletiva também possibilita ampliar os horizontes e conquistar conhecimentos que podem ser aproveitados no dia a dia profissional. Para quem apenas se interessa pelo assunto, o curso online Saúde Coletiva também é recomendado, uma vez que aborda questões como doenças epidemiológicas e transmissíveis. 

Antes mesmo de abordar em detalhes as doenças transmissíveis, o curso online Saúde Coletiva traz um viés histórico ao inscrito, já que aborda a história da Saúde Pública no país, bem como a definição de saúde coletiva. Promove uma boa reflexão sobre o tema, abordando as responsabilidades das equipes de enfermagem, questões práticas, promoção da saúde e saúde bucal coletiva. 

Finalizando o conteúdo, os interessados dominarão os principais pontos relacionados à Saúde Coletiva dispostos Organização das Nações Unidas (ONU), qualificando-se integralmente para ações relacionadas às estratégias de saúde da família. 

Melhores cursos EAD na área da saúde 

Quando falamos em qualificação profissional com cursos online, é indispensável optar por plataformas que preencham os requisitos básicos de qualidade – ou seja, disponibilizam bons materiais de estudo, ambientes virtuais bem planejados, equipe de suporte disponível, preço acessível, etc. Neste sentido, o Centro de Estudos e Formação pode lhe auxiliar na busca por qualificação profissional. 

Oferecemos centenas de cursos em dezenas de áreas. Além da flexibilidade de áreas, tratam-se de cursos online com certificado capazes de comprovar a sua qualificação em qualquer processo seletivo na área da saúde. 

Veja algumas das vantagens em realizar os cursos EAD do nosso portal: 

  • Investimento único de R$ 99,70, isento de mensalidades; 

  • Cursos online com certificado com cargas horárias entre 5h e 420 horas; 

  • Material didático selecionado por um departamento pedagógico exclusivo; 

  • Mobilidade de acesso, disponível através de smartphones, tablets e computadores; 

  • Certificados digitais e impressos, válidos em todo o Brasil. 

E então, que tal fazer parte do nosso time, se inscrever no Centro de Estudos e Formação e realizar o curso online Programa Saúde da Família, curso de Saúde Coletiva ou qualquer outro curso da nossa grade? Esperamos por você e estamos prontos para sanar qualquer dúvida, basta deixá-las através dos comentários. Faça sua inscrição e qualifique-se profissionalmente. Nos vemos!